São Brás - História


O santo de hoje nasceu na cidade de Sebaste, Armênia, no final do século III. São Brás, primeiramente, foi médico, mas entrou numa crise, não profissional, pois era bom médico e prestava um ótimo serviço à sociedade. Mas nenhuma profissão, por melhor que seja, consegue ocupar aquele lugar que é somente de Deus. Então, providencialmente, porque ele ia se abrindo e buscando a Deus, foi evangelizado. Não se sabe se já era batizado ou pediu a graça do Santo Batismo, mas a sua vida sofreu uma guinada. Essa mudança não foi somente no âmbito da religião, sua busca por Nosso Senhor Jesus Cristo estava ligada ao seu profissional e muitas pessoas começaram a ser evangelizadas por meio da busca de santidade daquele médico.


Numa outra etapa de sua vida, ele discerniu que precisava se retirar. Para ele, o retiro era permanecer no Monte Argeu, na penitência, na oração, na intercessão para que muitos encontrassem a verdadeira felicidade como ele a encontrou em Cristo e na Igreja. Mas, na verdade, o Senhor o estava preparando, porque, ao falecer o bispo de Sebaste, o povo, conhecendo a fama do santo eremita, foi buscá-lo para ser pastor. Ele, que vivia naquela constante renúncia, aceitou ser ordenado padre e depois bispo; não por gosto dele, mas por obediência.


Sucessor dos apóstolos e fiel à Igreja, era um homem corajoso, de oração e pastor das almas, pois cuidava dos fiéis na sua totalidade. Evangelizava com o seu testemunho.


São Brás viveu num tempo em que a Igreja foi duramente perseguida pelo imperador do Oriente, Licínio, que era cunhado do imperador do Ocidente, Constantino. Por motivos políticos e por ódio, Licínio começou a perseguir os cristãos, porque sabia que Constantino era a favor do Cristianismo. O prefeito de Sebaste, dentro deste contexto e querendo agradar ao imperador, por saber da fama de santidade do bispo São Brás, enviou os soldados para o Monte Argeu, lugar que esse grande santo fez sua casa episcopal. Dali, ele governava a Igreja, embora não ficasse apenas naquele local.


São Brás foi preso e sofreu muitas chantagens para que renunciasse à fé. Mas, por amor a Cristo e pela Igreja, preferiu renunciar à própria vida. Em 316, foi degolado.


Conta a história que, ao se dirigir para o martírio, uma mãe apresentou-lhe uma criança de colo que estava morrendo engasgada por causa de uma espinha de peixe na garganta. Ele parou, olhou para o céu, orou e Nosso Senhor curou aquela criança.


Peçamos a intercessão do santo de hoje para que a nossa mente, a nossa garganta, o nosso coração, nossa vocação e a nossa profissão possam comunicar esse Deus, que é amor.




Oremos ao Santo


Ó glorioso São Brás, que restituístes com

uma breve oração a perfeita saúde a um

menino que, por uma espinha de peixe

atravessada na garganta, estava prestes

a expirrar, obtende para nós todos a

graça de experimentarmos a eficácia

do vosso patrocínio em todos os males

da garganta. Conservai a nossa garganta

sã e perfeita para que possamos falar

corretamente e assim proclamar e

cantar os louvores de Deus. São Brás,

rogai por nós.

Amém.








Venha conferir nossas opções de artigos personalizados !!!

https://www.casadorosario.com.br/

















Fonte: https://santo.cancaonova.com/santo/sao-bras-medico-e-pastor-das-almas/

https://www.a12.com/redacaoa12/liturgia/sao-bras-protetor-das-doencas-da-garganta









Siga-nos nas redes sociais:

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram

Contato

(11) 2693-1392

(11) 2692-7984

(11) 2694-4021

whatsapp: (11) 9-8943-7251
Segunda a sexta: 09:30h às 17:30h

pgatendimento@gmail.com

Localização

R. Pedro Vaz de Campos, 58 - Pari, São Paulo - SP, 03022-050

Site criado por FRP em 2015.

Especialista em: Artigos religiosos, ,Artigos religiosos católicos, produtos católicos, artigos católicos, Santos católicos, Terços, Medalhas, escapulários, Imagens de gesso e resina, bottons, dezenas, novenas, chaveiros, canetas, etc...